segunda-feira, 14 de junho de 2010

Eros

Eros nasceu do Caos - é o que dizem.
Outras fontes o apontam
como resultado de uma homérica suruba.
Seria filho de Íris ou de Ilítia
ou de Artemis Crônia com Hermes.
Outra versão: filho de Afrodite
(Afrodite era fogo) com Hermes.
O poeta não tem nenhuma obrigação
de saber essas mitologias todas.
Só sabe que nos puteiros romanos
Eros era conhecido como Cupido
e tinha o pênis assim pequenininho
como de um anjo barroco.
(poema de Nei Leandro de Castro in Era Uma Vez Eros, pintura de Baudry)

Um comentário:

IMaria disse...

eu sou um caos, mas não nasci de Eros. Juro.
fique bem.